Promoção ordenada dos trabalhos preparatórios de “Pagamento agregado” Lançamento da página electrónica e publicação de informações detalhadas em momento posterior

11 de Janeiro de 2021

A primeira fase do “Pagamento agregado” consiste no “pagamento agregado através da apresentação do “QR-Code” do consumidor” estando neste momento a ser promovido de forma ordenada, encontrando-se a AMCM a coordenar com as instituições financeiras no sentido de concretizar os trabalhos preparatórios.

Presentemente, as instituições financeiras encontram-se a contactar com os comerciantes, de modo a actualizar o acordo de prestação serviços, as actuais máquinas, bem como os próprios “softwares”, podendo os comerciantes contactar a respectiva instituição financeira caso pretendam esclarecer qualquer dúvida.

No caso em que pretendam actualizar o “pagamento agregado”, os comerciantes que aceitam, actualmente, os meios de pagamento localmente existentes e apresentados em “QR code”, podem actualizar o serviço de pagamento disponível, mediante uma simples substituição do antigo acordo de prestação de serviços, das actuais máquinas e dos próprios “softwares”, a acompanhar pelas instituições financeiras com que se mantêm, actualmente, relação de negócios, dispensando o requerimento de máquina adicional. Além disso, os comerciantes que ainda não aceitam os meios de pagamento localmente existentes e apresentados em “QR code”, podem contactar as instituições financeiras de modo obter informações detalhadas. Após a actualização, os comerciantes podem utilizar um terminal que aceita todos os meios de pagamento existentes em Macau e apresentados neste formato, mantendo inalterado o modelo de operação do aparelho.

Nas lojas com a fixação da sigla de “Simple Pay”, os residentes podem escolher livremente qualquer um dos instrumentos de pagamento em “QR-Code” existentes em Macau para pagamento, enquanto os turistas podem continuar a utilizar a “carteira do exterior”, mantendo inalterado o modelo de pagamento.

A AMCM coordenou com as instituições financeiras para que as mesmas contactem, de forma activa, os comerciantes com o objectivo de actualizar o “pagamento agregado”, bem como iniciar o funcionamento das máquinas actualizadas, testando a capacidade do mercado e do sistema.

Após a realização de testes com sucesso, será concretizado o “pagamento agregado efectuado através de “scan” de “QR-Code” da empresa” da segunda fase em Março, ou seja, os residentes podem “scan” o “QR-Code” em suporte apresentado nas lojas, através de quaisquer meios de pagamento por leitura de QR lançados em Macau, para efeitos de pagamento.

Com vista a facilitar aos comerciantes e ao público a obtenção de mais informações relativas ao “pagamento agregado”, a AMCM planeou que será lançada uma página electrónica temática, com uma série de perguntas e respostas e infografias que são fáceis de compreensão. Os comerciantes e os residentes podem contactar as respectivas instituições financeiras para obter informações detalhadas.

A AMCM apresentará posteriormente as formalidades detalhadas relativas à operação global.

Autoridade Monetária de Macau
11 de Janeiro de 2021

simple pay

simple pay

simple pay

Última revisão: 2021-01-11 17:03:14